Controlo do Ruído

Controlo do ruído no local de trabalho

Quando um ruído perigoso está presente no local de trabalho, considere se podem ser utilizados controlos de ruído para reduzir a exposição do trabalhador.

Podemos controlar o ruído?

  • Hierarquia de Controlos 3M

    O conceito de uma Hierarquia de Controlos está bem estabelecido na saúde e segurança ocupacional. Simplificando, é mais eficaz eliminar ou reduzir a gravidade do perigo de que ao mudar a forma como as pessoas trabalham ou exigir que os trabalhadores utilizem equipamentos de proteção.

    Por exemplo, o empregador pode adotar uma abordagem Buy Quiet, ao definir equipamentos e processos menos ruidosos durante a fase de projeto. No entanto, se não for possível eliminar o ruído, há abordagens de redução do risco de perda auditiva induzida por ruído, através de uma solução técnica ou da aplicação de uma política administrativa para limitar a exposição ao ruído.

    Os Controlos Técnicos implicam modificar o equipamento, processo ou ambiente de alguma forma para que seja criada ou transmitida menos energia sonora aos trabalhadores. Muitas vezes, a abordagem mais eficaz é identificar e tratar a fonte de ruído de acordo com os resultados de uma pesquisa de controlo de ruído.

    Os Controlos Administrativos são políticas destinadas a reduzir a exposição ao ruído, limitando o tempo que os trabalhadores passam em áreas com níveis elevados de ruído. Estas políticas são muitas vezes necessárias quando os controlos técnicos não são viável nem económicos. 

Conclusões Principais

  • Controlar o ruído:
     

    • É considerado o método mais eficaz para reduzir o perigo do ruído.
    • Pode ser feito definindo equipamentos silenciosos durante a fase de projeto, através de controlos técnicos ou da implementação de controlos administrativos.
    • Pode permitir a uma empresa reduzir o número de trabalhadores num programa de conservação auditiva.
  • • Absorção

    • Ponderação A

    • Buy Quiet

    • Atenuação

  • • Isolamento

    • Estudo de Ruído

    • Reflexão

    • Média Ponderada no Tempo

Os Benefícios do Controlo do Ruído

  • Benefícios do Controlo do Ruído

    Os empregadores que controlam o ruído através de vários métodos podem obter diversos benefícios:
     

    1. Reduza o risco de perda auditiva induzida por ruído e os efeitos na saúde associados à exposição ao ruído entre os trabalhadores.
    2. Elimine ou reduza o custo e o tempo despendido na implementação de um Programa de Conservação Auditiva se a exposição do trabalhador ao ruído for reduzida abaixo do nível de ação nacional, como resultado dos esforços de controlo do ruído.
    3. Diminua o nível global de dependência dos Dispositivos de Proteção Auditiva.
    4. Permita mais opções de dispositivos de proteção auditiva adequada.
    5. Ajude a melhorar a comunicação presencial e de rádio, com menos ruído de fundo a interferir no discurso.
    6. Cumpra naturalmente os regulamentos nacionais sobre exposição ao ruído ocupacional.
    7. Mostre aos trabalhadores que o empregador leva a sério a redução dos perigos do ruído.

webLoaded = "false"

Introdução ao Controlo do Ruído

Embora seja possível optar por consultar um técnico de controlo do ruído para avaliar a situação e desenhar soluções, é extremamente benéfico envolver os trabalhadores com atividade em áreas ruidosas numa equipa empenhada em encontrar maneiras de reduzir o ruído. Um consultor pode trazer grande conhecimento técnico, mas as pessoas que passam os dias rodeadas de barulho podem propor algumas das soluções mais práticas e simples, porque conhecem bem os processos e o equipamento.

  • Pode parecer óbvio, mas o processo de controlo de ruídos perigosos no local de trabalho não pode realmente começar sem que o empregador tenha concluído uma avaliação de risco do ruído e analisado os resultados. Ao monitorizar o ruído em diferentes áreas das instalações e ao conduzir a realização de estudos de ruído em diferentes processos, tarefas e ferramentas, os empregadores podem recolher os dados necessários à identificação de grupos de trabalhadores e áreas onde os controlos de ruído são mais necessários e dar prioridade a onde e como gastar o valioso recurso de controlo do ruído para alcançar os melhores resultados. Uma pesquisa de controlo do ruído mais detalhada pode ser feita em seguida para identificar as fontes de ruído e selecionar a solução mais adequada ao controlo do ruído.

  • Tornar o equipamento e os processos menos barulhentos durante as fases de projeto e de fabrico é mais eficaz e economicamente mais eficiente do que implementar controlos de ruído mais tarde. Buy Quiet é um tipo de Prevenção Através do Design, que dá prioridade à eliminação ou controlo do perigo, definindo máquinas ou ferramentas que geram menos ruído. Isto é conseguido quando um novo processo de produção está na fase de projeto ou quando são substituídos equipamentos ou processos mais antigos.

  • Dar prioridade aos projetos potenciais de controlo do ruído é um passo importante para alcançar o resultado mais económico. Embora possa parecer lógico concentrar a atenção na mais alta fonte de ruído nas suas instalações, é possível conseguir uma redução mais significativa dos riscos da exposição do trabalhador ao ruído começando por controlar o ruído nas áreas mais perto do local onde uma grande percentagem dos trabalhadores estão a trabalhar. Alguns controlos de ruído são razoavelmente baratos e, quando bem sucedidos, podem ganhar enorme apoio dos colaboradores e da gestão.

  • Muitas vezes é necessário implementar uma abordagem multifacetada, envolvendo controlos técnicos e administrativos
     

    • Os controlos técnicos podem incluir modificações da fonte de ruído e da via sonora. Um técnico de controlo do ruído pode ajudá-lo a avaliar a eficácia dos diferentes controlos para a sua situação ímpar de ruído, incluindo: Isoladores, invólucros, amortecedores, absorventes e barreiras.;
    • Os controlos administrativos podem ser menos complicados do ponto de vista técnico, mas podem ser prejudiciais se envolverem grandes alterações de horários e fluxos de trabalho. Não é necessariamente difícil estabelecer prazos para os trabalhadores que estão a trabalhar em determinadas áreas ou a executar tarefas específicas, mas a aplicação de tais limites pode criar complexidade adicional ao seu Programa de Conservação Auditiva.
  • Os empregadores são obrigados a controlar o ruído conforme detalhado na Diretiva Europeia 2003/10/CE sobre Agentes Físicos (Ruído). Demonstrar se determinada solução de controlo do ruído é tecnicamente viável pode ser bastante simples, mas a economia envolvida pode ser mais difícil de avaliar.

    Algumas das questões a considerar são:
     

    • A redução do nível sonoro que pode ser conseguida com um determinado controlo do ruído será suficientemente significativa para justificar o custo de um programa de conservação auditiva?
    • Quais são os custos iniciais de instalação e os custos a longo prazo da manutenção dos controlos?
    • Qual o efeito dos controlos sobre os processos nas suas instalações e o fluxo de trabalho? De que modo irá afetar a eficiência?
  • Realize medições de ruído assim que os controlos estiverem instalados e, periodicamente, verifique e documente os resultados. Estabeleça um cronograma para monitorizar a eficácia dos materiais e mecanismos de controlo do ruído à medida que o tempo passa e, potencialmente, a deterioração que vão sofrendo devido ao desgaste próprio do tempo. Sempre que são introduzidas alterações aos processos e à produção, analise os efeitos possíveis relativamente aos controlos do ruído existente.


Requisitos

  • Requisitos de Controlo do Ruído

    O Que É Necessário?

    Os valores limite de exposição e os valores de ação de exposição encontram-se detalhados na Diretiva Europeia 2003/10/CE sobre Agentes Físicos (Ruído). Devem ser disponibilizados protetores auditivos adequados aos trabalhadores ao atingir o Valor Mínimo de Exposição, e rigorosamente impostos ao atingir o Valor Máximo de Exposição. A utilização de protetores auditivos ao atingir o Valor Limite encontra-se claramente explicada.

  • Técnico de Controlo do Ruído

    Utilizar a Proteção Auditiva como alternativa aos Controlos Técnicos

    Caso não seja possível controlar o ruído na fonte até aos limites de exposição permitidos, tal como definido na Diretiva Europeia 2003/10/CE sobre Agentes Físicos (Ruído), os empregadores devem disponibilizar dispositivos de proteção auditiva adequados e garantir a sua utilização nas áreas designadas. O Documento Normativo Europeu EN 458:2016 contém informações completas sobre o processo de seleção, utilização e manutenção correta dos protetores auditivos. O teste de ajuste está incluído no Documento Normativo Europeu como forma de melhorar o desempenho dos protetores auditivos e a 3M recomenda vivamente a realização do teste de ajuste como um precioso programa motivacional e de formação.

Noções Básicas de Controlo do Ruído

Noções Básicas de Controlo do Ruído

 

No sentido mais elementar, limitar a exposição dos trabalhadores ao ruído pode ser conseguido através da aplicação de controlos na Fonte, Via ou Recetor de ruído.

 

  • Fonte
    A fonte do ruído é um objeto vibrador — uma máquina ou ferramenta geradora de vibração que irradia para a área de trabalho como ruído.

    Via
    O ruído desloca-se através do ar, é claro, mas também através de materiais sólidos, tais como pavimentos, paredes e janelas.

    Recetor
    Na conservação auditiva, o recetor é o trabalhador.

  • Exemplos de Controlos Administrativos do Ruído

    Os Controlos Administrativos são políticas destinadas a reduzir a exposição ao ruído, limitando o tempo que os trabalhadores passam em áreas com níveis elevados de ruído. Estas políticas são muitas vezes necessárias quando os controlos técnicos não são viável nem económicos.

    Por exemplo, o empregador pode adotar uma abordagem Buy Quiet, ao definir equipamentos e processos menos ruidosos durante a fase de projeto. No entanto, se não for possível eliminar o ruído, há abordagens de redução do risco de perda auditiva induzida por ruído, através de uma solução técnica ou da aplicação de uma política administrativa para limitar a exposição ao ruído.

    Fonte
     

    • Opere os equipamentos e processos ruidosos quando o número de trabalhadores presentes for menor — por exemplo, à noite
    • Desligue as fontes de ruído entre tarefas ou quando os trabalhadores estão presentes

    Via
     

    • Limite o acesso a áreas ruidosas

    Recetor
     

    • Faça os trabalhadores alternar entre as áreas mais e menos barulhentas durante o dia
    • Defina limites de tempo para determinadas tarefas ou para a utilização de ferramentas barulhentas
  • Exemplos de Controlos Técnicos do Ruído

    Os Controlos Técnicos implicam modificar o equipamento, processo ou ambiente de alguma forma para que seja criada ou transmitida menos energia sonora aos trabalhadores. Muitas vezes, a abordagem mais eficaz é identificar e tratar a fonte de ruído de acordo com os resultados de uma pesquisa de controlo de ruído.

    Fonte
     

    • Mantenha ferramentas e equipamentos rotineiramente (tais como lubrificação de engrenagens, substituição de juntas, etc.)
    • Reduza a vibração sempre que possível
    • Modifique o processo ou método de produção, como alterar:
      • Velocidade
      • Pressão
      • Controlos mecânicos
      • Direção do fluxo de ar

    Via
     

    • Isole a fonte de ruído utilizando molas ou almofadas para evitar que o ruído se desloque através de pavimentos ou paredes
    • Circunde a fonte do ruído
    • Coloque uma barreira entre a fonte do ruído e o trabalhador
    • Isolar o trabalhador da fonte de ruído numa sala ou cabine
    • Instale materiais de isolamento acústico para minimizar a transmissão ou reflexão direta da som

    Recetor
     

    • Utilize monitores de vídeo ou controlos remotos para permitir aos trabalhadores operar o equipamento a partir de um local afastado das fontes do ruído
    • Requalifique os trabalhadores para que possam utilizar ferramentas ou concluir tarefas de modo a criar menos ruído
    • Exija a utilização de proteção auditiva

Tipos de Controlos Técnicos

Imagens de controlo do ruído utilizadas por cortesia da Associates in Acoustics, Inc.

  • Isolamento Acústico

    Isolamento

    • São utilizadas molas, espuma e outros materiais de atenuação para reduzir a transmissão do som das fontes sonoras para os pavimentos, paredes ou equipamentos ligados.
    • Por exemplo, instalação de molas em cada suporte de um motor montado no chão para reduzir a energia sonora transmitida ao chão e a todo o edifício.
  • Atenuação Sonora

    Atenuação

    • Colocar materiais como a espuma, resina ou fita num objeto ou modificá-lo para que vibre menos.
    • Por exemplo, revestir o exterior de uma caixa metálica com resina para reduzir a vibração gerada quando as peças são descartadas para o lixo
  • Reflexão Sonora

    Reflexão

    • São colocadas barreiras ou partições na via sonora para desviar o som para longe dos trabalhadores
    • Por exemplo, colocar uma parede ou um invólucro à volta de um compressor para que os trabalhadores possam trabalhar por perto com menos exposição direta ao ruído
  • Substituição Sonora

    Substituição

    • Substituir ou modificar componentes de um sistema barulhento para fazer menos barulho
    • Por exemplo, mudar para um injetor de ar mais silencioso ou substituir as rodas de aço de um carrinho por rodas de borracha de baixo ruído
  • Modificação Sonora

    Modificação

    • Alterar um processo para o tornar menos ruidoso
    • Por exemplo, reduzir a distância percorrida pelas peças até ao fundo do caixote do lixo, gerando menos ruído
  • Absorção Acústica

    Absorção

    • Materiais de isolamento acústico instalados numa área para reduzir a reflexão e acumulação de som
    • Por exemplo, telhas acústicas sobre uma superfície rígida para reduzir a reflexão de som numa sala

Para Além do Básico

Os benefícios do controlo eficaz do ruído (descrito acima) podem ser aumentados através da implementação de uma política de compras Buy Quiet.

  • Controlo Eficaz do Ruído

    Porquê Buy Quiet? Adaptado do NIOSH* EUA
    A perda auditiva induzida por ruído pode ser evitada se os níveis de exposição diária ao ruído forem reduzidos para os limites de exposição definidos na Diretiva Europeia 2003/10/CE sobre Agentes Físicos (Ruído). A política Buy Quiet pode ajuda os empregadores a manter-se abaixo dos níveis de exposição permitidos. Especificar menos ferramentas e processos ruidosos durante a fase de projeto pode ajudar os empregadores a evitar controlos dispendioso de ruído uma vez que foram assumidos compromissos a longo prazo.

    Os Benefícios da Política Buy Quiet
     

    • Reduzir o risco de perda auditiva.
    • Reduzir os custos a longo prazo de testes audiométricos, equipamentos de proteção individual e indemnizações aos trabalhadores. Esta poupança é aplicável a uma ampla diversidade de máquinas e equipamentos.
    • Ajudar as empresas a cumprir a regulamentação Europeia e nacional.
    • Reduzir o impacto do ruído na comunidade.

    Avaliar a poupança de custos
    As ferramentas que pode utilizar para avaliar a rentabilidade de uma abordagem Buy Quiet estão disponíveis clicando aqui.

    Exemplos de Estratégias de Controlo Bem Sucedidas
    O programa de prémios Safe-in-Sound reconhece os empregadores e outras organizações que têm tido sucesso ao implementar programas da prevenção de perda auditiva e aplicado abordagens inovadoras para controlar a exposição do trabalhador ao ruído. Saiba mais online em www.safeinsound.us.


Já Considerou?

    • Fazer um "concurso de controlo do ruído", envolvendo o pessoal da manutenção que deverá encontrar soluções para os problemas do ruído identificados pelos trabalhadores?
    • Controlar as fugas nos sistemas que utilizam ar comprimido para poupar nos custos de energia e reduzir a exposição ao ruído?
    • Quanto custa o seu programa de conservação auditiva anualmente por trabalhador? Quanto pode poupar reduzindo a exposição ao ruído abaixo do nível de ação?
    • Iniciar uma política "Buy Quiet" de compra tranquila para não seja introduzida nas áreas de produção mais qualquer fonte de ruído?
    • Definir uma meta para que sejam realizados um ou mais projetos de controlo de ruído por ano?
    • Medir o ruído após implementação de um controlo para acompanhar o sucesso do projeto?
    • Criar um registo de todos os projetos de controlo do ruído?
    • Atualizar os registos de exposição do trabalhador ao ruído para refletir os novos resultados e quando produziram efeito?
    • Elaborar um plano estratégico para reduzir a exposição ao ruído ao longo do tempo, começando por resolver as principais prioridades?
webLoaded = "false" Loadclientside=No
  • NOTA IMPORTANTE: Esta informação assenta nos requisitos nacionais atuais selecionados. Os requisitos locais ou de outro país podem ser diferentes. Consulte sempre as Instruções do Utilizador e siga os regulamentos nacionais. Este Website contém uma visão geral de informações genéricas e não deve ser invocado para a tomada de decisões específicas. A leitura desta informação não garante proficiência em segurança e saúde. A informação é atual a partir da data de publicação, e os requisitos podem mudar no futuro. Estas informações não devem ser invocadas isoladamente, dado que o conteúdo é muitas vezes acompanhado por informações adicionais e/ou esclarecedoras. Todas as leis e regulamentos nacionais aplicáveis devem ser cumpridos.

    Para mais informações, contacte o representante da 3M.

Siga-nos
Mudar localização
Portugal - português