1. Compreender as Dores nas Articulações
Cientista

Como Funciona

Suportes FUTURO™: Concebidos Para Aliviar as Dores nas Articulações

  • Quer esteja a lidar com dores crónicas nas articulações que se tenham desenvolvido ao longo do tempo ou dores agudas relacionadas com uma lesão recente, o que procura é alívio. Gerir as dores nas articulações de forma adequada facilita a recuperação, previne problemas de saúde adicionais e melhora a qualidade de vida. As Braçadeiras e Suportes FUTURO™ fornecem níveis adequados de suporte, conforto e ajuste em qualquer lugar, sempre que precisar. Obtenha mais informações sobre as articulações, as doenças comuns associadas a cada articulação e como os suportes FUTURO™ o podem ajudar.

    Estas informações não se destinam a substituir os conselhos, diagnósticos ou tratamento fornecidos por médicos profissionais. Para obter respostas a perguntas relacionadas com doenças, consulte sempre um médico. Não ignore conselhos profissionais nem adie a procura de conselhos profissionais devido a algo que tenha lido neste artigo.


Joelhos

O joelho é uma das maiores articulações do corpo humano e também uma das mais complexas. Com a sua incrível amplitude de movimentos tridimensional, o joelho pode tornar-se uma fonte de dores devido a lesões, ao envelhecimento, a operações ou à inatividade física. Para obter informações sobre as áreas problemáticas comuns, consulte abaixo.

  • MENISCO

    "Os danos no menisco são normalmente associados ao desgaste da articulação – ao longo dos anos, o tecido perde elasticidade e firmeza. Os acidentes, como aqueles ocorridos durante a prática de esqui ou basquetebol, contribuem de uma forma secundária. Embora o trauma possa, em alguns casos, causar danos só por si, a utilização excessiva ou incorreta desta articulação no quotidiano (mesmo que não estejamos cientes da existência de um problema) constitui outra causa de lesões. A dor é percetível em momentos do dia-a-dia. Os suportes para joelhos, em combinação com atividades atléticas adequadas e fisioterapia, são componentes comuns de tratamento."

  • LIGAMENTOS

    "As lesões nos ligamentos cruzados e laterais são normalmente o resultado de um acidente no qual as forças externas exercidas sobre o joelho excederam a capacidade dos ligamentos. Quer tenha estado a praticar esqui ou futebol, a dor intensa, o inchaço rápido da articulação do joelho e a falta de movimento são sinais que apontam para uma possível lesão nos ligamentos. Muitas das lesões nos ligamentos requerem operações. Os suportes para joelhos ajudam a completar os subsequentes esforços de reabilitação."

  • DANOS NA CARTILAGEM

    "Além do desgaste normal do joelho ao relacionado com o envelhecimento, a articulação ou a cartilagem pode também ser desgastada se o indivíduo tiver as pernas arqueadas. Este tipos de alterações podem manifestar-se de uma forma subtil. Muitas vezes, as dores começam por se sentir durante atividades normais do dia-a-dia. No seu estado mais avançado, este problema limita gravemente os movimentos das articulações. Os analgésicos antirreumatoides e os suportes para joelhos podem ajudar a reduzir ou até mesmo a eliminar as dores"

  • SÍNDROME DE DOR PATELOFEMORAL

    "Este termo abrange uma variedade de doenças relacionadas com a rótula (patela). Estas doenças variam entre desordens dos músculos da coxa até malformações congénitas, nas quais a rótula é suscetível à deslocação lateral. Tipicamente, as dores sentem-se ao caminhar, correr ou ao erguer-se após agachar-se. Algumas opções úteis de tratamento incluem o treino físico dos músculos da coxa, com o objetivo de aumentar a capacidade do músculo manter a rótula no sítio e/ou mover-se adequadamente. A utilização de um suporte para joelhos é também bastante útil." 

    Estas informações não se destinam a substituir os conselhos, diagnósticos ou tratamento fornecidos por médicos profissionais. Para obter respostas a perguntas relacionadas com doenças, consulte sempre um médico. Não ignore conselhos profissionais nem adie a procura de conselhos profissionais devido a algo que tenha lido neste artigo.

    Ficha Informativa Sobre os Joelhos

    Ver Suportes para Joelhos


Pulsos

O pulso é, possivelmente, a articulação mais importante do corpo, afetando a nossa vida profissional e pessoal. Utilizamos as mãos e os dedos para praticamente todos os aspetos do nosso trabalho, quer estejamos a praticar desporto, a tocar música ou a utilizar o computador. Esta utilização constante do pulso significa que o risco de lesão é extremamente elevado. O esforço excessivo nos pulsos ao longo dos anos pode causar algumas das dolorosas condições abaixo mencionadas.

  • FRATURAS ÓSSEAS

    A fratura do rádio e do escafoide pode causar dores intensas no pulso. Consoante o tipo de lesão e a sua localização, a fratura tem de ser primeiro recolocada e depois imobilizada, utilizando gesso no antebraço. Este gesso pode ser removido após aproximadamente quatro a doze semanas, libertando a articulação. O doente poderá então começar a mover lentamente a articulação. A recuperação pode ser auxiliada por fisioterapia e pela utilização de suportes para pulsos.

  • OSTEOARTRITE DO PULSO

    "As fraturas, a deslocação dos ossos do carpo e a utilização prolongada ou inadequada do pulso podem danificar a cartilagem articular, causando dores não localizadas e, ocasionalmente, causando o inchaço do pulso. Para efetuar um diagnóstico conclusivo, pode recorrer-se à utilização de raio X. Os casos de osteoartrite aguda podem ser tratados com analgésicos e braçadeiras ou suportes para pulsos, de forma a impedir movimentos extremos do pulso. O pulso afetado deve descansar e deve ser mantido protegido."

  • SÍNDROME DO CANAL CÁRPICO

    "Formado pelos ossos do pulso e por um ligamento transversal, o canal cárpico acomoda vários tendões e o nervo mediano, que proporciona sensação nos dedos. A compressão deste canal, uma condição que pode resultar de hematomas ou do esforço excessivo do pulso, causa dores nas mãos. O sintoma mais comum desta condição é a dolorosa parestesia dos dedos (uma sensação desconfortável de formigueiro), ocorrendo principalmente durante a noite. Para obter alívio imediato, experimente agitar a mão afetada ou efetuar uma pequena massagem. O tratamento a longo prazo inclui a redução dos sintomas através da utilização de talas que imobilizam o pulso"

  • TENOSSINOVITE

    "A tenossinovite é uma condição que afeta os tendões que atravessam as costas da mão e que se estendem aos dedos e ao polegar. Os problemas surgem quando estes tendões incham devido ao esforço excessivo ou devido a alterações causadas por doenças reumatoides. Deverá descansar a articulação e aplicar gelo quando necessário; acima de tudo, não esforce a articulação em demasia. Os agentes antirreumatoides fornecem alívio rápido da dor, bem como os suportes para pulsos que estabilizam a área afetada através de pressão ligeira."

    Estas informações não se destinam a substituir os conselhos, diagnósticos ou tratamento fornecidos por médicos profissionais. Para obter respostas a perguntas relacionadas com doenças, consulte sempre um médico. Não ignore conselhos profissionais nem adie a procura de conselhos profissionais devido a algo que tenha lido neste artigo.

    Ficha Informativa Sobre as Mãos e Pulsos

    Ver Suportes para Mãos e Pulsos


Tornozelos

Os tornozelos são literalmente um assunto instável! Quase todos nós já sentimos a dor sentida ao tropeçar e torcer o tornozelo. Esta dor resulta normalmente de uma tensão excessiva aplicada ao ligamentos laterais da zona exterior do tornozelo, por vezes causando mesmo uma fratura óssea. Embora estes cenários possam acontecer no dia-a-dia, as lesões da parte superior do tornozelo ocorrem principalmente ao praticar desporto. Como tal, deve tomar medidas para proteger o tornozelo. Eis algumas das lesões mais comuns.

  • ANATOMIA

    Quando o tornozelo se encontra numa posição "com o pé a apontar para baixo", os ossos ficam menos estáveis e a articulação depende dos ligamentos e dos músculos para se manter estável.

  • LESÕES DOS LIGAMENTOS ("TORCER")

    A torção interior do pé – uma das mais comuns lesões dos ligamentos – causa a rotura dos ligamentos exteriores (laterais) com vários níveis de gravidade, fazendo com que qualquer movimento da parte superior da articulação do tornozelo seja incrivelmente doloroso. Se torcer o tornozelo, recomendamos que seja examinado por um médico para se certificar de que não existem fraturas ósseas. Além da fisioterapia, o tratamento para este tipo de lesão inclui elevação, suportes, descanso, gelo e compressão.

    Estas informações não se destinam a substituir os conselhos, diagnósticos ou tratamento fornecidos por médicos profissionais. Para obter respostas a perguntas relacionadas com doenças, consulte sempre um médico. Não ignore conselhos profissionais nem adie a procura de conselhos profissionais devido a algo que tenha lido neste artigo.

    Ficha Informativa Sobre os Tornozelos e Pés

    Ver Suportes para Tornozelos e Pés


Cotovelos

Existem várias estruturas anatómicas contidas num espaço pequeno existente no cotovelo. Este facto, combinado com a utilização constante e intensiva dos braços no dia-a-dia, torna esta articulação particularmente propensa a lesões e doenças. Os diagnósticos e tratamentos são normalmente processos longos e demorados e os sintomas podem ser bastante variados. Esta página fornece uma descrição geral das áreas mais problemáticas.

  • EPICONDILITE LATERAL

    "A prática de ténis não é a única causa dos problemas nos cotovelos: existe uma variedade de atividades diárias, como o trabalho no computador ou o trabalho manual, que podem afetar esta articulação através do esforço excessivo dos músculos do pulso e dos extensores dos dedos. Tal pode resultar em dores intensas e agudas, especialmente na porção exterior da articulação do cotovelo. O tratamento inclui o descanso da articulação, evitando movimentos que despoletem a dor. Os analgésicos locais e suportes para cotovelos podem também aliviar a dor, bem como vários tipos de fisioterapia."

  • EPICONDILITE UMERAL MEDIANA

    "A epicondilite umeral mediana é uma condição faz com que os músculos que dobram os pulsos e os dedos sejam esforçados em demasia. Tal como acontece com a epicondilite lateral, o tratamento inclui descanso, analgésicos e suportes para cotovelos."

    Ficha Informativa Sobre os Cotovelos

    Ver Suportes para Cotovelos


Costas

As dores ocasionais ou constantes nas costas são sentidas por 75% das pessoas, tornando esta condição a segunda maior causa de visitas ao ortopedista. Os maiores impactos causados pelo desgaste das articulações são sentidos na coluna lombar, tornando o simples ato de estar de pé extremamente doloroso – uma atividade normalmente efetuada sem esforço. Eis algumas das lesões mais comuns nas costas.

  • SÍNDROMES DOLOROSAS

    "Os discos intervertebrais são a maior causa de dores nas vértebras. Estes discos, localizados no espaço existente entre cada vértebra, são estruturas elásticas que funcionam como molas e amortecedores, permitindo o movimento das vértebras. Se estes discos se tornarem desgastados, as articulações da coluna vertebral começam também a ser desgastadas ao longo do tempo, fazendo com que os canais dos nervos comecem a estreitar. Estas alterações causam dolorosas irritações nas raízes dos nervos, provocando dores nas costas devido à tensão muscular. Por vezes, a dor irradia até às nádegas e às coxas – o termo lumbago é frequentemente utilizado se as dores forem agudas e repentinas. No estado mais avançado desta condição, recomenda-se a utilização de analgésicos potentes e repouso na cama. A utilização de um suporte para costas e a fisioterapia podem também ser bastante úteis."

  • HÉRNIA DISCAL

    "No seu estado mais avançado, o desgaste pode fazer causar a rotura dos anéis fibrosos que envolvem os discos, permitindo a fuga do material existente no interior dos discos e causando a irritação das raízes dos nervos. O resultado é uma tensão extremamente dolorosa dos músculos das costas, tornando praticamente impossível movimentar-se. Esta dor pode também irradiar até às nádegas e às pernas, causando doenças neurológicas como a parestesia e fraqueza. Deve efetuar-se um raio X da zona afetada, bem como uma IRM e uma TAC. As eletromiografias são utilizadas para detetar danos nos nervos. Para as hérnias discais agudas, recomenda-se a utilização de analgésicos potentes. A fisioterapia deve ser iniciada imediatamente após a diminuição dos sintomas. Os suportes para costas são também um componente importante do tratamento."

    Ficha Informativa Sobre as Costas e Pescoço

    Ver Suportes para Costas


Pescoço

Desde a rigidez do pescoço até ao traumatismo cervical, as dores nas porções superiores da coluna vertebral são bastante comuns – e manifestam-se de várias formas. As dores podem irradiar até aos ombros e aos braços, tornando difícil determinar a sua causa. Esta página fornece uma descrição geral das áreas mais problemáticas.

  • ANATOMIA

    Sete vértebras do pescoço, os discos que as separam, os nervos que fornecem os braços e o pescoço, as artérias que conduzem ao cérebro e um sistema de suporte composto por ligamentos – tudo isto confinado a uma área bastante pequena no pescoço. São estas áreas funcionais que nos permitem virar a cabeça e dobrar e esticar o pescoço. Tal como todas as outras articulações e sistemas, a coluna vertebral está exposta ao processo de envelhecimento. No entanto, o esforço desta área pode também causar alterações dolorosas. Além disso, os fatores psicológicos como o stress podem causar uma postura inadequada e tensão muscular.

  • SÍNDROMES DOLOROSAS

    "As causas mais comuns das dores no pescoço são o estreitamento do forame intervertebral e os danos aos discos intervertebrais, resultando na compressão dos nervos. As dores começam por se sentir na zona que envolve a coluna cervical, que se encontra rígida e tensa. As dores que irradiam até aos ombros e aos braços podem causar parastesia. Estes tipos de dores podem ser aliviados através da aplicação localizada de calor e de um regime de fisioterapia que inclua a massagem dos músculos do pescoço. Os relaxantes musculares podem também ser incluídos nos tratamento, bem como colares cervicais e/ou suportes para pescoço, que fornecem calor e restringem os movimentos dolorosos."

    Ficha Informativa Sobre as Costas e Pescoço

    Ver Suportes para Pescoço


FAQs Contacte-nos Contacte-nos por telefone 213 134 606 Contacte-nos por telefone 213 134 606
Siga a Marca FUTURO™:
Mudar localização
Portugal - português