Produtos e pensos transparentes para pontos de inserção intravenosa

Cuidados na terapia intravenosa

Soluções para a fixação e proteção de que necessita

  • Todos os pontos de inserção intravenosa estão sujeitos a potenciais riscos de infeções, deslocação, lesões cutâneas e outras complicações. Estas complicações podem causar possível desconforto e dor ao doente, tempos de internamento prolongados, terapia adicional e intervenções cirúrgicas, e até mesmo aumentar a mortalidade.

    A 3M Science está na origem de inovações únicas que lhe fornecem aquilo de que necessita para proteger todos os cateteres IV, da inserção à remoção.

    O nosso amplo portefólio permite-lhe escolher e utilizar mais facilmente os produtos certos: desde a higiene das mãos, as preparações da pele e as protetores cutâneos até aos dispositivos de fixação, pensos transparentes e cápsulas de desinfeção.

    Podemos ajudá-lo a prestar cuidados humanitários com produtos comprovados para proteger a segurança dos doentes e dos médicos, ajudar a prevenir os riscos de complicações dispendiosas e melhorar a satisfação do doente.


Proteção antimicrobiana

  • O CDC estima que o número de infeções da corrente sanguínea principal associadas aos cuidados de saúde nos EUA seja de 71.900 todos os anos.1
    O aumento dos custos associados a estas infeções pode chegar aos 39.000 $ por caso.2*

    * Os testes in vitro demonstram que a película transparente fornece uma barreira viral contra vírus com 27 nm de diâmetro ou mais, desde que o penso permaneça intacto e sem fugas.

    Os micróbios que originam infeções da corrente sanguínea relacionadas com cateteres (CRBSI) dispõem de vários pontos de acesso. Podem ser originadas por bactérias que existem na superfície da pele e por bactérias que migram pelo lúmen do cateter.3*


  • Penso transparente 3M com almofada de gel de CHG

    Escolha pensos 3M™ Tegaderm™ CHG,um penso de fixação IV impregnado com um gel antimicrobiano de gluconato de clorexidina (CHG) para ajudar a reduzir o risco de contaminação pela flora localizada na superfície da pele.3

    Os pensos 3M™ Tegaderm™ CHG não se destinam ao tratamento de infeções da corrente sanguínea relacionadas com cateteres ou outras infeções relacionadas com dispositivos percutâneos e não foram testados num estudo clínico randomizado que visa testar a sua eficácia na prevenção de tais infeções.

  • Cápsulas de desinfeção Curos

    Utilize cápsulas de desinfeção 3M™ Curos™ para desinfetar e proteger os conectores sem agulha e os dispositivos Luer macho para ajudar a reduzir o risco da entrada de contaminantes no cateter após a inserção.


Fixação do cateter

  • Assegurar a prestação excecional de cuidados na terapia intravenosa é uma tarefa difícil. Deve assegurar-se de que os pontos de inserção intravenosa são estáveis e seguros para controlar os riscos de infeções associadas aos cuidados de saúde, de forma a que a experiência do doente seja positiva, nunca esquecendo os resultados.

    As diretrizes do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) para a prevenção de infeções intravasculares associadas a cateteres, 2011 e as Normas de Prática de Enfermagem publicadas pela Infusion Nurses Society (INS) , 2011 recomendam a utilização de um dispositivo de estabilização para todos cateteres IV.4,5


  • doente na cama de hospital com cateter intravenoso na sua mão

    Pensos de fixação avançada 3M™ Tegaderm™ IV incluem um entalhe profundo, uma margem estabilizadora e uma tecnologia de dois adesivos para proporcionar o conforto e a proteção que os seus doentes merecem. Estes pensos satisfazem as definições do CDC e da INS que dizem respeito aos dispositivos de fixação ou estabilização dos cateteres.4,5



webLoaded = "false" Loadclientside=No

Pensos de proteção contra bactérias e vírus

  • O fino suporte de película dos pensos de película transparente 3M™ Tegaderm™ é impermeável a líquidos, bactérias e vírus,* mas permite a troca de vapor de água, oxigénio e dióxido de carbono. A película estéril inclui um adesivo hipoalergénico, sem látex de borracha natural, que garante uma visibilidade duradoura e total do local, a fim de limitar a troca desnecessária de pensos.

    Para aceder às portas implantadas ou às incisões das portas recentemente implantadas, proteja o local com os pensos de película transparente com moldura sem adesivo 3M™ Tegaderm™ IV, que minimizam o risco de movimento da agulha durante a remoção do penso e o contacto do adesivo com a pele.

    * Os testes in vitro demonstram que a película transparente fornece uma barreira viral contra vírus com 27 nm de diâmetro ou mais, desde que o penso permaneça intacto e sem fugas.


Proteção da pele

  • A manutenção da pele saudável em torno de um dispositivo de acesso vascular é essencial para reduzir o risco de infeção, a manutenção de um penso ou dispositivo de fixação e o conforto do doente. Embora as lesões cutâneas relacionadas com adesivos médicos (MARSI) ainda ocorram durante a prestação dos cuidados, não devem ser uma parte inevitável da experiência do doente. A integridade da pele pode ser mantida mesmo quando é necessário efetuar trocas frequentes dos pensos. A preparação da pele e a escolha de adesivos adequados são os primeiros passos para ajudar a minimizar os riscos de MARSI.8


  • Protetores cutâneos 3M Cavilon

    O Protetor cutâneo não irritante 3M™ Cavilon™ forma uma barreira protetora entre a pele e o dispositivo ou penso de fixação. Pode ser utilizado em vez de fitas médicas, impedindo o desprendimento das células da pele, a fim de ajudar a reduzir o risco de lesões cutâneas relacionadas com adesivos médicos (MARSI). Quando um produto adesivo é removido da pele, é removido o Protetor cutâneo Cavilon, em vez das células da pele.

     

    • O protetor cutâneo sem álcool original
    • Compatível com as preparações de CHG9
    • Ajuda a reduzir a incidência de complicações da pele (exantema/vermelhidão, descamação da pele, maceração)10
    • Secagem rápida e não pegajosa11
    • Comprovada12

     


  • As fitas médicas 3M™ fornecem uma vasta gama de suportes e adesivos que lhe permitem escolher o produto adesivo mais adequado com base na sua finalidade. Para ajudar a reduzir o risco de contaminação cruzada entre os doentes, a 3M oferece muitas das suas fitas em rolos de utilização única.15-17


  • Rodapés

    1. Magill SS, Edwards JR, Bamberg W, et al. Multistate Point-Prevalence Survey of Health Care–Associated Infections.  N Engl J Med 2014;370:1198-208.
    2. Marschall J, Mermel LA, Fakih M, et al. Strategies to Prevent Central Line-Associated Bloodstream Infections in Acute Care Hospitals: 2014 Update Infect Control Hosp Epidemiol 2014;35(7):753-771
    3. Mermel, LA, McCormick, RD, Springman, SR, Maki, DG. The pathogenesis and epidemiology of catheter-related infection with pulmonary artery Swan-Ganz catheters: A prospective study utilizing molecular sub-typing. American Journal of Medicine. (1991) 91; 197S-205S.
    4. Centers for Disease Control and Prevention. Guidelines for the Prevention of Intravascular Catheter-related Infections. Healthcare Infection Control
    (Appendix 1). Clin Infect Dis, 2011; 52(9):e162.
    5. Alexander M, et al. Infusion Nursing Standards of Practice. Journal of Infusion Nursing, (2011) Vol. 34, no 1S.
    6. Rutledge, et al. Catheter securement systems: comparison of two investigational devices to a sutureless securement device, a securement dressing, and sutures in a pig model. Intensive Care Medicine Experimental (2015) 3:24.
    7. 3M Data on file (#12858).
    8. McNichol L, Lund C, Rosen T, Gray M. Medical Adhesives and Patient Safety: State of the Science. Journal Wound Ostomy Continence Nursing. 2013; 40(4): 365-380.
    9. 3M Data on file (#005732).
    10. George M, Pal U, Guduri V, Smith G. Use of a skin protectant (3M™ Cavilon™ No Sting Barrier Film) to reduce local skin complications around PICC lines. Enviado para publicação.
    11. 3M Data on file (#001563).
    12. 3M Health Care. Protetor cutâneo não irritante 3M Cavilon. Resumos das evidências clínicas. 2012.
    13. Federal Register Vol 72, No. 73 Rules and regulations (73 FR 20373 4/15/2008).
    14. Hageman JC, et al. Investigation and control of vancomycin-intermediate and-resistant Staphylococcus areus: A guide for health departments and infection prevention personnel. CDC. Atlanta, GA 2006.
    15. Infection Control Today Vol 17, No. 1, Single-Patient Rolls of Medical Tapes Reduce Cross-Contamination Risk (janeiro de 2013).


  • FAQs

    Encontre as respostas às perguntas mais frequentes sobre 3M Cuidados de saúde

    Ir para FAQs

  • Formação e Eventos

    Junte-se à 3M Health Care Academy e aumente os seus conhecimentos médicos

    Para mais informações

  • Contacte-nos

    Se tiver alguma questão a colocar sobre um produto ou serviço 3M Cuidados de saúde, contacte-nos

    Contacte-nos agora

Siga-nos
Mudar localização
Portugal - português